Mercado de Pulgas: mapa das lojas mais interessantes

Mapinha para não se perder: são 160 espaços de antiguidades

Todas as fotos são de Gisele Teixeira

 

Para quem gosta de antiguidades e já conhece o bairro de San Telmo, minha sugestão é uma visita ao Mercado e Pulgas Dorrego. São 160 lojas!

O mercado fica nas quadras delimitas pelas ruas Concepción Arenal, Martinez, Av. Dorrego e Álvares Thomas. Abre de terça a domingo, das 10h às 19h.

Todos os postos são identificados com números e possuem o telefone do dono, que ás vezes está “dando vueltas” pelo mercado. Aconselho que as visitas sejam feitas nos dias de semana, mais tranqüilos.

Abaixo, algumas das lojas que achei interessantes, embora o barato esteja em cada um encontrar a sua.

 

 

mercado de pulgas

José Presentado (Local 145): Especialista em pachwork com madeiras antigas. Faz móveis de grande dimensão sob medida, como mesas de mais de 3 metros

mercado de pulgas

Om Cristal (Local 86): Um santuário para quem gosta de cristais, com peças a partir de 1900. Fiquei com medo de me mexer e quebrar algo!

mercado de pulgas

Hector (Local 13): Por sorte o Hector não estava, senão tinha voltado para casa com esta mesa redonda nas costas!

mercado de pulgas

El Espíritu del Mueble (Local 162): um dos melhores para comprar cadeiras para terraços e varandas

mercado de pulgas

Local 30: Adrian Lew (lá no fundo) tem duas lojas e é super buena onda. Além dessa, de luminárias e objetos retrô, tem o Local 115, com umas aranhas divinas!

mercado de pulgas

Antigos Sueños (Local 128): Tocado por Graciela, um doce de pessoa, essa loja um arsenal de luminárias e lâmpadas.

 

El Buen Estilo (Local 98): Essa loja tem umas poltronas coloridas que ficariam super bem aqui em casa! Super indireta para uma pessoa…

Atelier Rocco (Local 11): O artista Roque Daniel Candido, mais conhecido como Rocco, faz obras de pequeno, médio e grande formato. Tem seu atelier no fundo da loja.

Raul Simon Estilo Campo (Local 32): móveis sob medida feitos com madeiras recicladas.

Suam (Local 106): Eleonora López Sansac tem louças de 1870 a 1970, em permanente renovação. Um delírio para os fãs da hora do chá!

5 Comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *