Dicas do outro Porto, o Porto Alegre

Deixo uma lista de lugares que eu gosto em Porto Alegre, cidade que eu AMO.  Os locais não estão em ordem de importância e são muito concentrados na Cidade Baixa e arredores porque é a zona onde mais transito.

  • Restaurante Suprem –  AMO este lugar de comida vegetariana e indiana, que fica na Santo Antonio, 877. No almoço eles tem uma espécie de prato do dia, que na verdade são diversos pratinhos de coisas deliciosas, e à noite oferecem um menu a la carte. Vale a pena deixar o preconceito de lado (para quem ainda o tem) e provar pratos sem carne. O responsável por tudo é o chefe Alex Zarate. Aceita todos os cartões e tem preço honesto.

Adoro quanto tá sol e entro no escurinho do Suprem


  • Atelier das Massas– Este restaurante é um clássico das minhas visitas. É a melhor pasta que já comi na vida, sem exagero. Há anos é tocado pelo artista plástico Gelson Radaelli, o que faz do lugar também uma mini galeria de arte, com peças de artistas gaúchos como Ibere Camargo e Vasco Prado. Mas a gente vai lá é por causa das massas mesmo, como o Tortelloni à Stefano, recheado com queijo de cabra, espinafre e noz moscada, e servido com molho branco, gengibre, pimenta dedo de moça, tomate e radite. Peloamordedeus! O restaurante fica na Riachuelo, 1482. Tem gente que tem um pouco de birra de sair à noite e comer no Centro. Como já fico no Centro, para mim é perfeito. O único problema é que fecha no domingo.
  • Combo: comida e arte

  • Santander Cultural – A curadoria deste espaço é tão cuidadosa que ele entra para a lista daqueles que a gente pode visitar de olhos fechados. Dificilmente alguma exposição lá não é bacana. Neste momento, por exemplo, eles estão com uma super retrospectiva do Arthur Bispo do Rosário, com mais de 200 peças, chamada A Poesia do Fio. Até o dia 29 deste mês!

  • Mercado Público Uma ida a Porto Alegre não tem a mínima graça sem uma passada no mercado. Seja para comprar café moído na hora no Café do Mercado, ou erva a granel, ou discos de vinil, ou chás, ou para dar uma espiada na lojinha do Sebrae, que oferece o melhor do artesanato gaúcho de qualidade. Um dos presentes que mais faz sucesso aqui em Buenos Aires é a coleção Bichos do Mar de Dentro, formada por 82 peças em tecido, biscuit, madeira e bordado com tema da fauna das Lagoas dos Patos e Mirim. São fofos demais e só os encontro lá.

Os bichinhos são feitos por artesas de Camaquã

  • Leo ZamperQuem me conhece sabe que AMO cortar o cabelo e por isso é que ele anda sempre curtinho. Nao dou tempo para o danado crescer. Em Porto Alegre, por dica da Marlei Ferreira, descobri o Leo Zamper, um mãos de tesoura. Antes cortava com ele no espaço do Nova Olaria, mas agora ele está com uma super casa nova (na Otávio Corrêa, 84, também na Cidade Baixa), toda grafitada por JP.,  com obras de Tina Felice  e que em breve vai abrigar também um Bar Devassa. Dalequedale.

    Parece Palermo, mas é a Cidade Baixa

  • Fundação Ibere CamargoEsse é outro clássico que está, por estes dias, com uma exposicao do Leonilson que é de gritar. Chama-se Sob o peso dos meus amores e reúne mais de 350 obras, um amplo panorama da produção do artista cearense. A seleção abrange desde o início da carreira, na década de 1970, até o período final de produção, no início dos anos 1990. A exposição tem curadoria de Ricardo Resende, diretor geral do Centro Cultural São Paulo e consultor do Projeto Leonilson, e Bitu Cassundé, crítico de arte e curador. Isso sem falar do próprio espaço, da exposição permanente com obras de Ibere, e daquele cafezinho ao ar livre no final da tarde.

Di-vi-no

  • Bamboletras– Para mim a Bamboletras é a melhor livraria de Porto Alegre, por uma simples razão: as proprietárias conhecem cada um dos livros que tem lá dentro. Não à toa é a livraria mais premiada da capital gaúcha, com cinco Açorianos como Livraria Destaque de Porto Alegre. Fora que elas sempre tem uns discos interessantes e um bom papo ótimo. Reservo sempre uma tarde para esse passeio porque se tem filme bom no Guión já fico por lá. Para quem nao a conhece, a Bamboletras fica na Rua Lima e Silva, 776, loja 3 – Cidade Baixa.

    Pequena mas poderosa

7 Comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *