Rio de Janeiro: Casa Daros e Miam Miam

O blog ficou uns dias sem atualização porque estamos no Rio de Janeiro,. A cidade está cheia de novidades! Os programas que a gente mais gostou começam a ser compartilhados aqui, aos poucos, esta semana.

Casa Daros

Inaugurada há pouquíssimos dias, a Casa Daros é o novo centro cultural voltado para a arte contemporânea da América Latina. Ocupa um casarão de 1866 de 11 mil metros quadrados (a foto acima dá uma idéia), projetado por Francisco Joaquim Bethencourt da Silva (1831 – 1912), considerado um dos mais importantes discípulos do mestre francês Grandjean de Montigny.

O arquiteto é autor de alguns prédios emblemáticos do Rio de Janeiro, como o Real Gabinete Português e o edifício do Centro Cultural Banco do Brasil, no Centro da Cidade. Foram seis anos de restauração!

Obra-do-Vik

“Pictures of Junk”.

O material que sobrou da obra virou um trabalho de Vik Muniz dentro da série “Pictures of Junk”.

Administrada pelo grupo suíço Daros Latinamerica, o lugar conta com um acervo de 1.200 obras de arte adquiridas desde 2000 pela colecionadora Ruth Schmidheiny – a principal mecenas do projeto.

Dezessete artistas brasileiros estão presentes na coleção da Daros. Entre eles, alguns bastante conhecidos, mas de estilos e trajetórias bastante diferentes, como Antonio Dias, Cildo Meireles, Hélio Oiticica, Lygia Clark, Ernesto Neto, Iole de Freitas, Mario Cravo Neto, Nelson Leirner. Entre os estrangeiros constam a escultora colombiana Doris Salcedo e o pintor uruguaio Joaquín Torres Garcia.

A primeira mostra se chama “Cantos cuentos colombianos”, com 75 obras de dez artistas da Colômbia, que podem ser vistas também AQUI. 

abertura_509px

O melhor da arte colombiana contemporânea

Exposição "Cantos cuentos colombianos"

Exposição “Cantos cuentos colombianos”

Obra de Miguel Angel Rojas
Obra de Miguel Angel Rojas

 

O lugar tem ainda um amplo pátio interno, lojinha e café, este de propriedade da chef Roberta Ciasca (do Miam Miam, que eu AMO). Chamado Mira!, tem como ponto o menu de almoço, com bufê de saladas (R$ 29) e grelhados (R$ 43). Há também sugestões fixas, como o ravióli de ervilhas e hortelã com salmão fresco caramelado (R$ 42) e o kebab de cordeiro, creme fresco de limão, tomates assados e cenoura com especiarias (R$ 44).

 

Miam Miam

Por falar nisso, quem vai a Casa Daros já pode aproveitar e conhecer o Miam Miam, que fica ali do ladinho. Quem me apresentou este restaurante foi o Alex Herzog, autor do guia Bistros do Rio de Janeiro. Viciei!

401577_396981716991624_713311968_n

Delícia!

É uma casa antiga, cheia de objetos garimpados em lojas de antiguidades, num design deliciosamente retrô. É descolado, mas, ao mesmo tempo, aconchegante. O ambiente à meia-luz, as mesas e cadeiras que lembram as de cozinhas antigas e o cardápio inspirado no conceito de comfort food, tudo ali convida a ficar. O resultado é um dos restaurantes mais interessantes da cidade.

Há delícias como inhoque de batata baroa e moqueca de camarão com molho de gengibre e farofa de coco. Ou ainda as entradas lulinhas grelhadas com geléia thai e torradas de ciabatta ou croquetes de frango ao curry em crosta de castanhas e chutney de banana com côco. Aguou a boca? Vai lá!

Restaurante Miam Miam
Rua General Góes Monteiro, 34
Botafogo – Rio de Janeiro – RJ
Tel: (21) 2244-0125
http://www.miamiam.com.br

3 Comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *