Los Amados: “pasión desenfrenada y risas”

[headline] Se você gosta da estética kitsch, não pode perder o trabalho de Los Amados, um grupo que começou de brincadeira, para animar uma festa de aniversário, e que em 2015 comemora 25 anos em cartaz. O espetáculo Mundo Amado celebra a época dourada do bolero e o amor desenfreado e excessivo. Para dançar de rosto colado. Adorei! [/headline]

los amados espetaculo

Esse casaco de bichinhos es lo más! Foto de divulgação.

 

 

los amados

Figurinos impecáveis. Foto divulgação

Um dos pontos altos deste espetáculo que está na Sala Siranush (em frente a La Viruta, em Palermo) é o vestuário e a cenografia.

Tudo é excesso, cor, alegria, criatividade.

E, como se não bastasse, tem humor e coloca todo mundo – mas todo mundo mesmo – para dançar.

Essa mescla deu longo dos anos uma série de prêmios ao grupo Los Amados.

Entre eles  o ACE de Melhor Autuação Masculina em Musical (Alejandro Viola), Prêmio Teatros del Mundo para Melhor Vestuário, Prêmio Mundo de Melhor espetáculo musical e Prêmio Gardel de Melhor CD Romântico em 2012.

 

[headline]“Esta noche se van enamorados o cambian de pareja”[/headline]

los amados agustin lara

Homenagem a Agustín Lara, autor de sucessos como Solamente una vez

 

Com tanto anos de casa, o espetáculo vai mudando a cada temporada, com temas diferentes e  a incorporação de novas divas e músicos.

Desta vez, o homenageado é o músico e poeta mexicano Agustin Lara (1897 – 1970), autor de clássicos como Maria bonita, Noche de ronda, Solamente una vez, Piensa en mi, Cada noche un amor, Granada, Amor de mis amores, Sueño guajiro.

Uma verdadeira festa em um dos salões mais lindos de Buenos Aires.

Aproveite e deixe para jantar por lá e provar as delícias da comida armênia.

los amados

Alejandro Viola é “El Chino Amado”

los amados

Dolores Ocampo Segui é a cantora convidada e faz Soberbia

los amados

O melhor de tudo: a banda!

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *