Campanha presidencial na Argentina: o vídeo polêmico

O vídeo de um dos principais candidatos presidenciais na Argentina acirra as discussões sobre o trabalho infantil e os limites aceitáveis de “carinho” entre crianças e estranhos.

mauricio macri

O corpo fala

 

As eleições presidenciais argentinas entram em nova fase domingo que vem, quando acontecem as chamadas Primárias Abiertas, Simultâneas e Obrigatórias –  conhecidas como “las P.A.S.O”.

Nesta votação, todos os eleitores do país definem quem serão os candidatos de cada partido na disputa, diferente do Brasil, onde esta escolha é feita numa “interna” entre os filiados.

A campanha presidencial já está pegando fogo!

Um dos principais candidatos da oposição ao governo de Cristina Kirchner, o atual prefeito de Buenos Aires, Maurício Macri, concorre pelo PRO  e há alguns dias vem sendo motivo de debate em função de sua campanha publicitária. A peça mais polêmica tem o título: “Vendo rosas para comprar uma bicicleta”. 

Dêem uma espiada e depois a gente segue.

 

As discussões na mídia se dividem. Por um lado, há os que acusam Macri de mostrar uma “visão simpática do trabalho infantil e de não registrar a sensibilidade contemporânea em  relação à pedofilia“, para usar os termos empregados pelo o jornalista Horacio Verbitski no artigo “A Dos Manos”. Por outro, a turma que vê um exagero nessas afirmações, e diz que o vídeo não é tão terrível assim.

Substitua a menina pela tua filha, por exemplo? Que te parece? O que aconteceria com um comercial destes nos Estados Unidos?

 

 

1 Comment

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *