Mídia argentina: outros discursos possíveis

Foto dee Nacho Yuchark/lavaca

Amplie seus horizontes. Descubra 6 veículos que te contam histórias diferentes sobre o que está rolando no país vizinho.

 

Numa época em que o presidente argentino Maurício Macri aparece na mídia brasileira como modelo a ser seguido pelo país, minha dica aos conterrâneos é que se informem mais. Leiam outros veículos, ampliem os horizontes. Temos demissões, esvaziamento de políticas educacionais e culturais, endividamento e uma aproximação muito questionável aos Estados Unidos. Comecem por hoje, com a cobertura do presidente Barack Obama.

Foto de abertura:  Nacho Yuchark/Lavaca

Página 12 — Entre os “jornalões”, este o único que traz uma visão alternativa ao relato de Clarín e La Nación. Já conhecido de muitos brasileiros.
midia alternativa pagina 12

Lavaca — Muitos dos assuntos que não aparecem na grande imprensa estão aqui. Mineração, agrotóxicos, meio ambiente, gênero, povos originários, fábricas recuperadas. E política, naturalmente. A última capa diz tudinho sobre a linha editorial. A revista (digital e em papel) funciona em forma de cooperativa, que tem ainda uma rádio e um bar-loja-ponto de encontro. Facebook: https://www.facebook.com/lavaca.org/timeline

mídia alternativa revista mu
Agência Paco Urondo — Se você busca um contraponto à mídia oficialista, este é o lugar. Leva o nome de um dos mais importantes e valentes jornalistas que a Argentina já teve. “Tomé las armas buscando la palabra justa”. Periodismo militante. Para colocar já nos favoritos. Facebook: https://www.facebook.com/agenciapacourondo
midia alternativa paco urondo

Revista Anfíbia — Revista digital de crônicas e relatos de não-ficcção, com ênfase na América Latina. Foi criada pela Univerdidad Nacional de San Martín, com o apoio da Fundación Nuevo Periodismo Iberoamericano. Estão sempre exerimentando. Oferecem umas oficinas bem interessantes. Facebook: https://www.facebook.com/RevistaAnfibia/timeline

midia alternativa anfibia
Cosecha Roja Este é o portal da Red Latinoamericana de Periodismo Judicial, formado por jornalistas que cobrem a origem o desenvolvimento e as saídas possíveis para a violência na América Latina. Segurança, narcotráfico, violência de gênero. Fazem um trabalho super interessante. Facebook: https://www.facebook.com/cosecharoja/

La Primera Piedra — Revista digital que nasceu em 2014 pela mão de um grupo de estudantes da Universidade de Buenos Aires. Enfoque em política, direitos humanos, literatura. Jornalismo que não teme a opinião e “escribe sin esconder la mano”, como dizem os meninos. Facebook: https://www.facebook.com/Laprimerapiedraweb

1 Comment

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *