Estudar espanhol em Buenos Aires

portunhol

Buenos Aires é um dos destinos preferidos de quem quer estudar espanhol. Confira as sugestões do Aquí me Quedo.

De acordo com estatísticas do governo argentino, as escolas de idiomas recebem cerca de 30 mil visitantes por ano, o que faz de Buenos Aires a segunda cidade mais popular para aprender espanhol no mundo, atrás apenas de Madri. Conheça abaixo as possibilidades de cursos e os preços atualizados em agosto de 2016, além das diferenças de duração entre eles.  

Aulinha: Antes disso, algumas dicas de “falsos amigos”. Na Argentina,  garçom é mozo, e moço é muchacho. Vinho se toma em copa e não em taza, que é só para café! Sobrenome é apellido e apelido é apodo. Jantar se diz cena, e uma cena de teatro é escena. Talheres são cubiertos, escritório é oficina, e oficina é taller! Contestar é responder e não discordar, e cartão é tarjeta e não cartón, que é papelão.

As três formas mais comuns de aulas são:

  1. Os cursos intensivos (20 horas por semana) são os mais comuns, porque em geral as pessoas não têm tanto tempo disponível para ficar em Buenos Aires. Em geral, há turmas começando todas as segundas-feiras, com preços a partir de 150 dólares a semana e sobem até o infinito, dependendo do desejo do cliente, extras e hospedagem.
  2. Cursos mais longos, para quem tem tempo (todo o quadrimestre, como eles dizem aqui). 
  3. Aulas particulares de espanhol

 

Cursos Intensivos

El Pasaje – Esta escola fica numa sede bem bacana e de fácil acesso, no centro de Buenos Aires, com excelentes referências no Trip Advisor. Oferece aulas de diferentes tipos – de regulares a intensivas ou super intensivas, e também prepara para testes como o DELE e CELU e ainda tem aulas em casa ou on-line. Eles também oferecem acomodação, se você preferir. As aulas começam todas as semanas. 

Os valores para estudar espanhol variam de acordo com o número de horas-aula. Por exemplo, intensivos grupais (20h), são a partir de 158 dólares (com desconto se for mais de uma semana). Deixo AQUI estão todos os preços. Não deixe de conferir as promoções, como descontos para longo termo, grupo de amigos e alguns horários específico. 

Estive lá visitando o espaço e gostei da onda. Outras informações em Facebook. 

estudar espanhol el pasaje

El Pasaje

ISL Idiomas (Expanish e DWS ) – Esta empresa é uma das líderes em ensino de línguas no estrangeiro, com mais de 200 destinos. Em Buenos Aires, eles são os donos da Expanish (foto que abre o post), uma escola já bem conhecida dos brasileiros, que fica no centro da cidade, num prédio antigo totalmente reformado. Oferecem aulas para principiantes e avançados e, boa ideia, cursos exclusivos para quem tem mais de 30 anos e mais de 50 anos. Confira os horários. Eles também são proprietários da DWS, em Palermo, uma escola de menor porte.

VOS Buenos Aires – Esta escola fica na Recoleta e oferece cursos de espanhol para estrangeiros em diferentes formatos. Desde cursos regulares 3x por semana, passando por intensivos (20h por semana), aulas particulares e até por skipe. Os cursos intensivos custam a partir de US$ 225 a semana. Confira a tabela de preços completa.

Cursos Longos

Centro de Idiomas da UBA – Par que tem mais tempo para estudar espanhol, a UBA é uma boa opção. As aulas funcionam em três sedes, no Centro, em Palermo e no bairro de Caballito, com cursos em três níveis – iniciante, intermediário e avançado. As aulas podem ser regulares, de quatro meses de duração (com quatro horas semanais, com início em março e agosto) ou de dois meses (oito horas semanais, com início em março, agosto e outubro).

Há ainda a opção intensiva, com 15 horas por semana durante um mês, nas férias de janeiro, fevereiro e julho. Oferecem cursos específicos de Espanhol para Brasileiros e oficinas de “Escritura académica, Fonética, Cultura y conversación, Literatura del Río de la Plata, Literatura latinoamericana, Cine en español, Español para negocios”. Confira a tabela de preços (em torno de US$ 300 o intensivo de um mês, mas dá para pagar em pesos).

Centro Universitário de Idiomas (CUI) – Esta também é uma escola super renomada em Buenos Aires, com aulas de diferente idiomas (até mapuche!). As aulas de espanhol são na sede da rua Junin, com programas para diferentes níveis. Bacana: você pode fazer seu teste de nivelação on-line e saber em qual nível vai entrar, antes de chegar aqui. Os preços começam em US$ 450 o mês (60 horas). Veja a tabela completa de preços.

vos onde estudar espanhol

Spanish on the Move (aulas particulares) Esta professora particular foi super bem recomendada por uma amiga e fica em Palermo Soho, perto da Plaza Cortázar. Deixo aqui também o email para contatos: info@spanishonthemove.com.ar

88 Comments

  • Adriana Maia disse:

    Amiga,

    Adorei o Blog. Espero que estejas muito feliz.
    Beijos

    Adri

  • Michelle disse:

    Oi Gisele. Estou pensando em fazer uma viagem para a Argentina e estudar espanhol durante 1 mês. Encontrei esse seu post e como ainda estou como confusa sobre como fazer o intercâmbio, queria saber se pode me esclarecer umas dúvidas. É melhor estudar com professor particular ou nesses cursinhos de universidade? É melhor ir por minha conta propria (tentar visto de estudante) ou por alguma agência? Como você conheceu essa professora que te dá aulas? Tem como encontrar o preço da hora abaixo de 18 pesos ou esse é o + em conta que você encontrou? Vc contatou essa professora antes de viajar, ou resolveu essa parte quando chegou aí? Onde você ficou hospedada? É melhor casa de família, albergue ou hotel? Estou pensando no custo também, quero fazer tudo da forma mais barata possível, mas que seja proveitosa, entende? Você acha que com R$2.500 (incluindo as aulas, hospedagem e alimentação dá para passar 1 mês?). Vale + a pena ficar em um albuergue e pagar a alimentação por fora ou ficar em casa de familia com alimentação incluída?
    Obrigada,
    Michelle

    • Gisele Teixeira disse:

      Oi Michele, um montão de perguntas, né? Vamos por partes.

      1. É melhor estudar com professor particular ou nesses cursinhos de universidade?
      Prefiro os cursinhos, porque aí você fala com mais gente, faz amigos, não fica tão isolada.

      2. É melhor ir por minha conta propria (tentar visto de estudante) ou por alguma agência?
      Por um mês você não precisa de visto de estudante. Entra com visto normal, de turista, que vale por três meses.

      3. Tem como encontrar o preço da hora abaixo de 18 pesos ou esse é o + em conta que você encontrou?
      Você acha justo pagar menos de 18 pesos, ou seja, 9 reais, por uma hora de aula? Creio que esse valor é o mínimo do mínimo.

      4. Vc contatou essa professora antes de viajar, ou resolveu essa parte quando chegou aí?
      Resolvi isso aqui, mas a minha situação era muito diferente, já que vinha para viver aqui. No teu caso, aconselho uma escola mesmo.

      5. É melhor casa de família, albergue ou hotel?
      Te indico um albergue, que te dará mais mobilidade que uma casa de família. Embora numa casa você tenha contato com os moradores de verdade e não apenas com turistas. Vai depender do que você quer.

      6. Você acha que com R$2.500 (incluindo as aulas, hospedagem e alimentação dá para passar 1 mês?).
      Isso vai depender do curso que você fizer. Os cursos privados são mais caros, em torno de 150 dolares por semana. Mas os intensivos da universidade, mais baratos, só são oferecidos nessa modalidade de um mês durante as férias.

      Te deixo aqui um link com varias escolas
      http://www.365buenosaires.com/buenos_aires/escuelas_de_espaniol.php

      E vou passar teu email para um amigo que esteve aqui estudando numa escola privada, ficando em casa de uma família. Ele adorou tudo e pode te dar mais detalhes.

      7. Vale + a pena ficar em um albuergue e pagar a alimentação por fora ou ficar em casa de familia com alimentação incluída?
      Eu, pessoalmente, prefiro ter mais liberdade para comer. Não gosto de ter que comer na hora que os outros decidem, nem o que eles decidem.

      Ajudei ou aumentei as tuas duvidas?
      Beso
      Gisele

      • Fernanda disse:

        Gisele, olá

        Teria como me falar a agencia, escola que seu amigo ficou pois tbem estou querendo um programa com alimentação, escola e moradia.Obrigada

  • Martha disse:

    Oi GIsele

    Vi seu blog por estar procurando escolas de espanhol em Buenos Aires. Mas gostei da idéia de fazer aulas particulares, pois pretendo passar 1 mês lá, e já que vou fazer uns cursos de dança acho que seria uma boa oportunidade de aperfeiçoar meu espanhol. Tenho onde ficar e amigos portenhos, e também já conheço bem a cidade, então acho que no meu caso seria melhor aulas particulares mesmo.
    Você teria indicação de algum professor particular?

    Obrigada
    Martha

  • Cristiano disse:

    Oi Gisele, tudo bem?!? parece que as dúvidas são sempre as mesmas né!?!? bom eu vou passar um mês em Buenos Aires para estudar. Aluguei um apê, pois tenho receio de ficar em Albergue, rsrs sou muito desorganizado com minhas coisas, acho que não saberia lidar com a situação de ficar no mesmo quarto com mais pessoas. Bom minha pergunta é a seguinte: quanto preciso para passar um mês lá? dinheiro apenas para comer, transporte e passeio. O aluguel e o curso já estão pagos. Grato.

    • Gisele Teixeira disse:

      Cristiano, isso depende muito do estilo de vida que voce leva. Se voce nao vem para frequentar grandes restaurantes, com 100 pesos por dia vc se vira bem, contando que vá comer sempre na rua. Alimentacao sera o teu principal gasto, já que o transporte é barato. Com relacao aos passeios, teus gastos podem subir muito se vc for para baladas…Mas em geral se paga 20, 30 pesos para entrar em lugares como o Konex.

  • klese disse:

    oi gostaria de saber com quanto eu preciso para passar um mês em buenos aires,vou ficar na casa do meu amigo,não sou muito de gastar e nem de balada,pretendo ir sim uma balada e alguns passeio mas tudo bem barato.

  • Maria disse:

    Gisele,

    Em primeiro lugar, parabéns pelo seu blog. Pretendo ir a Buenos Aires em agosto, meu objetivo é ficar alguns meses estudando espanhol. Durante a pesquisa sobre cursos e acomodação, levei um susto danado, pois constatei que a maioria das escolas cobram em dólar e os valores são altos. Durante a pesquisa encontrei seu post sobre o assunto, no qual você fala sobre aulas individuais, gostaria então de te pedir as informações de contato de sua professora, bem como dicas para encontrar acomodações de confiança e que não sejam tão caras quanto as das escolas que encontrei na minha pesquisa.
    Mas uma vez, parabéns pela iniciativa de criar o blog ;0)
    Abraço.

    Maria

  • juliana disse:

    Olá Gisele.
    Gostaria de entrar em contato contigo.
    Sou brasileira e trabalho para uma escola de idiomas aqui em Buenos Aires.
    Estamos com um programa especial de espanhol para brasileiros para as férias de julho.
    Se for possivel entre em contato conosco, pra te passar mais informacoes e oferecer uma parceria.
    Obrigada
    Juliana

    • Elisangela disse:

      Juliana,

      Vc ainda trabalha nesta escola?Pretendo ir para Buenos Aires em Julho só que deste ano. Vai ter esse programa nas férias?

      • Gisele Teixeira disse:

        Elisangela, escrevi para a Juliana para ver se ela ainda está por lá. Pensei que era para mim a pergunta…desculpa…

      • Gisele Teixeira disse:

        Elisangela, escrevi para lá e quem me respondeu foi Soledad:

        Oi Gisele tudo bem? O meu nome é Soledad, sou a coordinadora das aulas de Espanhol em Buenos Aires, o nosso website é http://www.pensaris.com.ar/pt estamos fazendo um update do site bem pronto, mas pode acceder e convidar a sua leitora sem problemas. Si viajar para a nossa cidade não tenha dúvida em me avisar para conhecer a nossa escola, os nossos profesores.

        Atenciosamente,

        Soledad

  • Elbert disse:

    Gisele
    Bom Dia!

    Parabéns pelo site! Por gentileza gsoatria de tirar algumas dúvidas contigo , pois estou pensando em ir estudar Espanhol na Argentina:
    1-) Quanto tempo em média leva para aprender espanhol? Quanto tempo vc acha que devo ficar para estudar?
    2-) Quanto custa em média uma escola de idiomas?
    3-) Quanto vc acha que irei gastar em média por mês estudando na Argentina?

    Agradeço desde já

    Elbert

    • Gisele Teixeira disse:

      Elbert, todas a tuas perguntas sao difíceis!!
      1. O tempo de aprendizado é muito pessoal e vai depender do seu nível no momento. Quanto tempo vc tem disponível? Pode morar aqui? Vem passar férias…tudo isso influi no seu rendimento.
      2. Na Universidade de Buenos Aires, que eu gosto muito, os cursos custam em torno de 2.000 pesos os intensivos de oito horas semanais.
      http://www.idiomas.filo.uba.ar/extranjeros/espanol/cursos/regulares.htm
      3. Os gastos também depende do seu estilo de vida. Se sai muito, etc. Um apartamento mobiliado, bacaninha, está cerca de 800 dolares por mes. Se vc quiser dividir com alguem vai sair mais barato, claro.

  • Daniela disse:

    Boa noite!

    Pretendo fazer um curso de 15dias na Argentina e gostaria de saber qual a média que se gasta com alimentaçao, etc durante este periodo.
    Se é necessario tomar algum tipo de vacina.
    Obrigada

  • Gisele Teixeira disse:

    Daniela, creio que nao precisa de vacina. Quanto à alimentacao, isso é super relativo. Depende do nível de refeicao que vc quer fazer. Aqui, diferente do Brasil, vc nao tem self-service, mas tem um prato do dia, que custa a partir de 30 pesos. A noite todos os restaurantes sao mais caros que durante o dia. Espero ter ajudado…

  • Luanna Barbalho disse:

    Oi Gisele!!!
    Sou do Rio de Janeiro e estou querendo ir morar em Buenos Aires. Pesquisando na internet achei seu blog e adorei, também achei um site chamado; ( http://www.viveenbuenosaires.com/ ) que realiza todos os tramites para quem quiser ir estudar na UBA, visto de residência no país, legalização e tradução de documentação exigida pelas autoridades argentinas. Estou pensando em pagar o pacote dessa agência e entrar na UBA só para não ficar ilegal no País, mas gostaria de saber se tem algum outro jeito de ir morar aí, sem ficar ilegal??? Quero ficar pelo menos 1 ano!!!
    Besos,
    Luanna. luannab@uol.com.br

    • Gisele Teixeira disse:

      Luanna, quando a gente entra no país recebe um visto de turista de tres meses. Voce poder ir a Colonia, no Uruguai, e voltar no mesmo dia, quando o visto estiver vencendo, para ganhar mais tres meses. E assim por diante. Ou entao pedir uma residencia provisória de dois anos. Nao é muito complicado. Eu fiz tudo sozinha. Agora, em relacao a UBA eu nao sei como funciona. Vc quer fazer um mestrado? Aí talvez vc tenha que apresentar mais papeladas.

      • Luanna Barbalho disse:

        Oi Gisele!!!
        Nossa, fiquei tão feliz por você me responder tão rápido!!!
        Como eu te falei antes, eu só estou pensando em fazer a UBA para não ficar ilegal, mas nem é mestrado não. Essa agência que eu te falei, resolve tudo, mas a função dela é somente levar Brasileiros que vão para fazer faculdade, e como a UBA é de graça, eu só ia ter que pagar o valor cobrado pela agencia (1.900,00 reais) para resolver tudo pra mim!!! Mas se eu for por minha conta e fizer esse lance de ir a Colônia e voltar no mesmo dia, eu ganho mais 3 meses, tem certeza??? Eu achava que se eu ficasse uns 85 dias na Argentina e depois fosse para outro lugar, teria que esperar 3 meses para poder voltar!!!

  • Luanna Barbalho disse:

    Gisele,
    obrigada pela dica e parabéns pelo blog, estou adorando e lendo todas as publicações antigas! Vi o vídeo que você colocou da cantora Josi Dias e amei a voz dela, já entrei até em contato com ela pelo facebook!!!

  • danilo alves disse:

    Boa Tarde.

    Gostaria de estudar espanhol por 2 meses.

    Sou muito leigo no assunto, você acha que para ficar esse tempo eu levo o dinheiro em pesos argentinos, dollares, qual a melhor forma.

    Tem uma ideia qual o preço de almoço, transporte. Obrigado

    • Gisele Teixeira disse:

      Oi Danilo, traz em reais e troca aqui. È o melhor. Transporte custa 1,10 pesos a passagem de metro e 1,25 de onibus. Comida depende de onde vc comer, varia muito, mas nao è caro.

  • Lygia disse:

    Olá, você poderia me passar o contato da professora particular?
    Agradeço muito! Estou indo para a Argentina ficar por um tempo!

    Aliás, se eu for pra ficar mais do que 90 dias, eu necessito tirar meu visto aqui? Ou posso tirá-lo em Buenos Aires?

    Gracias

    • Gisele Teixeira disse:

      Oi Lygia, se vc for ficar por mais de 90 dias tem que entrar e sair. Pode ir a Colonia passar o dia, por exemplo. me parece que è a saìda mais fàcil. Amanha vou encontrar uma amiga que è professora e que sempre indico. Vou ver se ela segue com as classes. De todo modo, se vc vem por mais tempo indico fazer um curso em grupo. È mais divertido e a gente aprende mais rapido. Os curso da UBA e a do CUI sáo muito bons. Te deixo os links.

      http://www.idiomas.filo.uba.ar/content/espa%C3%B1ol-para-extranjeros

      http://www.cui.edu.ar/

      • Wagner disse:

        Oi Gisele, tudo bem?

        Li tudo q vc escreveu. Muito bom. Ajudou bastante.
        Obrigado.

        Achei q nao ia precisar lhe perguntar nada, mas olhei o site da cui.edu.ar e nao encontrei informcao sobre preco. Entao, mandei um e-mail q nao foi respondido ja faz 3 dias.
        Vc saberia me dizer qual o valor aproximado do preco la? Se puder.

        Sobre o curso da uba.ar eu somente achei q 8 horas semanais e’ pouco, mas valeu a sua indicacao de q e’ de qualidade. Talvez, se eu me inscrever em um curso pela manha e outro a tarde pode ser q compense, mas ficaria mais caro q cursos de 20horas em outras escolas.

        Um ultimo paragrafo perguntas, prometo. Vc tem algum site onde encontro aluguel de quarto por um mes? Pretendo ficar no mes de marco/2012 em Buenos Aires e nao estou muito afim de albergue. Qual a melhor forma q vc acha para a procura de aluguel de quarto ou ate mesmo apartamento?

        Obrigado de novo,

        Wagner

  • Gisele Teixeira disse:

    Wagner, os precos do CUI estao aqui:
    http://www.studyinbuenosaires.edu.ar/english/cui-prices.php

    Oito horas semanais, com temas de casa e tal acho que tá de bom tamanho. Vc tem que aproveitar a cidade também e praticar o que está aprendendo. O dia todo fica muito cansativo na minha opinião.

    Para alugar apes, sugiro o http://www.bytargentina.com/.
    Esse outro site tem apes e quartos http://www.airbnb.com/

    Um beijo e boa sorte

  • Gilmar disse:

    Oi Gisele…
    Tudo bem?
    Linda por gentileza, voce me passa o contato da sua amiga professora!?

    Obrigado

    Beijo

    Gilmar

  • Gisele Teixeira disse:

    Oi Gilmar, eu perdi o rastro desta professora, parece que ela foi morar em Bariloche, mas vou procurar outra para voce. Qual o teu nível de espanhol? Quer fazer aulas individuais ou em grupo
    Um beijo

  • Vitor disse:

    Olá ! Estou pensando em ficar 2 meses em Buenos Aires fazendo curso de 30 hrs por semana (6 hrs dia), você acredita que ja saio de lá com alguma fluência? Obrigado!

  • Gisele Teixeira disse:

    Que pergunta difícil, Vitor! A aprendizagem de um idioma é muito pessoal. Vai depender do nível que vc já tem, da facilidade de aprendizagem, de um monte de fatores. Mas uma coisa é certa: vc sempre volta melhor do que chegou! O que é um super passo, né? Só de estar convivendo em tempo integral (porque não são só as aulas) com outra cultura, já é uma vivencia super rica. Relaxa e aproveita. E prende o grito em qualquer dificuldade que a gente ajuda! Boa viagem

  • triane penedo dias disse:

    Ola gisele,boa tarde
    Bom gostaria muito de fazer uma curso de espanhol durante 1(um ) mês,na argentina,tenho um curso de espanhol feito em uma escola de idiomas,mas gostaria de me aperfeiçoar mas…Se possivel, gostaria que voce me indicasse algum lugar para ficar,alguma escola para fazer esse curso,desde ja agradeço,se possivelme contate por e-mail
    Abraços
    Triane

  • Fernando Possato disse:

    Gisele
    vc poderia me dar uma idéia de quanto vou ter que pagar por aulas particulares de uma hora e meia cada uma? quero fazer 3 vezes por semana. vou ficar um mês em buenos aires fazendo aulas. quero aperfeiçoar porque já falo, mas com erros nos tempos verbais… quero melhorar.
    Se puder me indicar algum professor ou professora eu agradeceria imensamente.
    fico aguardando sua ajuda
    Fernando

  • Gisele Teixeira disse:

    Fernando, vc tem facebbok? Me indicaram varias pessoas, mas passando os contatos pelo face. pode ser? Um beijo. Se vc nao conseguir abrir me avisa.

    https://www.facebook.com/permalink.php?story_fbid=3127483987753&id=1284283275

  • Fernando Possato disse:

    Oi Gisele

    meu nome é JOSE FERNANDO POSSATO. SE PUDER BUSCAR, TENHO CERTEZA QUE IRA ENCONTRAR. OU COMO FERNANDO POSSATO.
    MEU E-MAIL É jonanbr@uol.com.br.
    agradeço muito
    fernando

  • Clau Cruz disse:

    Gisele,

    Seu post é um sucesso! Você poderia até virar uma personal organizadora de Brasileiros que pretendem estudar em Buenos Aires! Divulga seu facebook, com certeza isso pode se tornar um negócio rentável…rs

    Eu nunca tive essa experiência, de estudar fora e meu espanhol é o básico, do básico, do básico. Tive que ler uma apostila sobre anatomia em espanhol para entrar numa empresa e me virei bem, consegui entender o conteúdo e o google me ajudou.

    Como personal español, você me orienta estudar no Brasil por um tempo ou partir direto para o intercâmbio? O que é mais produtivo e rápido? Eu faria um intercâmbio por 6 meses. Alguém muito aplicado obtem fluência nesse período?

    No Brasil, acreditamos que é mais fácil aprender espanhol do que outras linguas. Eu como boa brasileira, também acredito nisso.

    Como você vê esse mito de “aprender espanhol é fácil” ?

    Obrigada!! 😀

    • Gisele Teixeira disse:

      Clau, um intercambio é sempre mais rápido, mas a fluencia depende de cada um. Me parece mais fácil aprender espanhol que outras línguas, embora a gente também já venha com mais vícios e mais equívocos também. SE vc tem tempo, faca os intensivos mensais na UBA. Em seis meses dá para fazer uns quatro níveis. Há uma prova inicial e talvez vc nem tenha que fazer o 1 ou o 2. Um beijo

  • Andréia disse:

    Oi,Gisele!
    Estou pensando em fazer um curso de espanhol 1 mês em Buenos Ayres,mas gostaria de ir por conta própria,será que você pode me indicar escolas ou universidades?E outra,quanto vc acha que gastaria mais ou menos em 1 mês incluindo tudo,sei que isso é muito relativo,mas é só pra eu ter uma base.Desde já,agradeço!
    Abraços!

  • Gisele Teixeira disse:

    Andreia, eu sempre indico a UBA e o CUI, que me parece que sao os melhores cursos. Para hospedagem, vc pode dar uma olhada no BYt argentina, para ver preco de apartamentos mobiliados. O metro vai custar 2,50 daqui para a frente.
    E o resto é alimentação. Pensa nos valores que vc gasta aí e divide por 2.

    http://www.idiomas.filo.uba.ar/content/espa%C3%B1ol-para-extranjeros

    http://www.bytargentina.com/

    http://www.cui.edu.ar/

  • Elaine disse:

    Olá Gisele!
    Pelo que pude perceber você ainda mora em BsAs.

    Bom, como a maioria das dúvidas, a minha também é quanto ao estudo. Quantas horas/aulas por semana você acha necessário para uma pessoa, que não sabe falar uma vírgula em castelhano, aprenda a se virar na língua? Sei que depende da disposição e facilidade de aprendizado de cada um, mas em média quantas horas/aulas por semana já dá para que um argentino nos entenda? Não estou falando nem em fluência.

    Quanto a emprego, na sua opinião, qual é o nível de dificuldade de conseguir um? Onde são os locais que você acha mais fáceis de conseguir um e que tipo de visto precisarei caso queira trabalhar e estudar na Argentina?

    Desde já, obrigada.

  • Mário Sérgio Barros disse:

    Olá Gisele
    É chover no molhado e te elogiar pelo post de extrema praticidade e …boa vontade nas respostas! Valeu
    Eu e minha esposa estamos indo em dezembro desse ano e vamos ficar por 7 meses. Ela pretende fazer o curso na Universidade em janeiro e julho/2013, e no ínterim o curso da Coined, pelo menos a princípio achamos que é um dos melhores. Pelo fato de vc estar aí, talvez possa nos ajudar, tenho visto aluguel de apartamentos ou departamentos, mas são muito caros. Pensei na possibilidade de alugarmos algo por 7 meses, mobiliado, mas não o que se aluga para turistas, mas algo talvez que se aluga para argentinos, entende? Tipo 1200 pesos por mês ou algo assim. Quando estivemos aí no fim de 2010 conhecemos um brasileiro que trabalhava e morava aí e conseguiu um ap. nesse esquema, mas na época não pegamos contato pois não pensávamos em fazer essa viagem. Será que pode nos ajudar?Desde já muito obrigado
    Att;
    Mário Sérgio

    • Gisele Teixeira disse:

      Oi Mario, o problema é sempre a garantia, como no Brasil. Tem que dar a sorte de alugar direto com o proprietário. Ou seja, achar alguém com apartamento vazio e que seja super camarada. Os amigos que tenho aqui todos alugam mobiliado por este problema, mas vou investigar, Se souber de algo te aviso.

  • Insoportable disse:

    eu SÓ fico morrendo de saudades de Baires lendo teu blog. e com uma invejinha, lá no fundo, branca. hehehehe mas… o que eu mais concordei no teu texto é a parte dos argentinos. hiper concordo!

  • Elaine Pedroni disse:

    Ola gisele, primeiro parabéns pelo blog, meu nome é elaine, estou indo em agosto para Buenos Aires ficar por 3 meses, você saberia me dizer qual é o melhor curso de espanhol, estou em dúvida quanto as escolas. Além disso, gostaria de saber se você acha que vale a pena fazer intensivo, e se vale a pena fazer aulas de tango dentre outras? Desde já muito obrigada, Qualquer ajuda é bem vinda. abraços!!

    • Gisele Teixeira disse:

      Oi Elaine, como já mencionei aqu muitas vezez, o melhor curso para mim é o da Universidade de Buenos Aires. Quanto a fazer intensivo, isso depende do tempo que vc dispõe e do teu objetivo. O tango também é uma questão pessoal. Eu adoro dançar e isso hoje faz parte da minha rotina. Creio que dá para fazer as duas coisas e ainda passear, sem problemas.

  • Amanda disse:

    Olá, Gisele, tudo bem? Muito bacana teu post, li os comentários e me foram muito úteis. Considerando sua experiência, gostaria de três opiniões: O curso da UBA é mais interessante do que o do CUI? Qual você considera melhor? Vale a pena me inscrever no curso por meio de uma agência brasileira ou é melhor buscar os contatos diretos com a universidade?

    Desde já, obrigada!
    Amanda

    • Gisele Teixeira disse:

      Amanda, eu fiz o da UBA. Nao conheco bem o do CUI. SEi que é bem recomendado. Não tenho como te dizer qual o melhor. O que posso, sim, te falaré que da UBA é ótimo, pelo excelente nível dos professores. Eu acho que vc pode se inscrever direto aqui, sem problemas, ao chegar.
      Um beijo

  • Boa noite!!!!

    Gisele,

    Quero morar e trabalhar na Argentina e fazer curso de espanhol em alguma escola em Buenos Aires, gostaria de saber quanto precisava em dinheiro para levar, e seria melhor morar em albergue, se você tem algum site de albergue para tirar a carteira de alberguista. Tenho nacionalidad espanhol passaporte europeu e brasileiro, se tenho alguma vantagem para entrar no país e facilita a minha vida. Manda uma resposta!!!!!!

    Grato!!!!!!

  • Aline disse:

    Oi Gisele,

    Adorei seu blog, especialmente pela sua disponibilidade de responder. Super legal de sua parte.
    Como muitos aqui, estou cheia de dúvidas, com o detalhe que estou começando do zero a programação da minha viagem. Quero ir para Buenos Aires para fazer um curso de espanhol (não falo nada..rs) e tentar conseguir um emprego para ficar morando lá. Vi que vc estudou na UBA e que recomenda por tem um bom curso, mas seguem minhas perguntas:

    1) Existe algum órgão que regulamenta os cursos de idiomas aí? As escolas de idiomas tem que ter alguma certificação?

    3) Se quiser estudar na UBA, você sugere me inscrever daqui mesmo ou posso fazer isso quando chegar aí?

    4) Quanto à moradia, quero gastar o mínimo possível, não tenho problemas com albergues, casas estudantis, mas minha preocupação é com a segurança, e vi que falou tb em alugar apê, o que vc sugere como melhor opção, em termos de segurança, custo/benefício?

    5) Quanto a emprego, você saberia dizer se é difícil para um estrangeiro conseguir emprego aí? Se existe alguma espécie de preconceito?

    6) E sobre os vistos, o que é melhor, entrar como turista por 90 dias, viajar e renovar, ou já solicitar um visto de estudante? Ou o visto de moradia? Neste caso, isso pode ser feito daqui ou podemos fazer aí mesmo? Como foi com você?

    7) Por último, você já ouviu falar de um programa de intercâmbio que associa estudo e trabalho? Soube de um com uma agência daqui, onde a pessoa faz 1 mês de curso e fica + 5 meses trabalhando remunerado, mas fiquei meio insegura, pois nunca tinha ouvido sobre isso aí na Argentina, além de ter um custo alto.

    Sei que te enchi de perguntas, mas ficarei grata se puder me ajudar.

    Desde já agradeço!

    Abs,

    Aline.

    • Gisele Teixeira disse:

      Aline, seguem as tuas repostas:

      1) Existe algum órgão que regulamenta os cursos de idiomas aí? As escolas de idiomas tem que ter alguma certificação?
      Isso eu nao sei.

      3) Se quiser estudar na UBA, você sugere me inscrever daqui mesmo ou posso fazer isso quando chegar aí?
      Vc pode fazer diretamente aqui, sem problemas, até porque vc terá quer fazer um teste de nível, oral e escrito. Está tudo aqui: http://www.idiomas.filo.uba.ar/content/espa%C3%B1ol-para-extranjeros

      4) Quanto à moradia, quero gastar o mínimo possível, não tenho problemas com albergues, casas estudantis, mas minha preocupação é com a segurança, e vi que falou tb em alugar apê, o que vc sugere como melhor opção, em termos de segurança, custo/benefício?
      Isso vai depender do teu orcamento e do tempo que vc vai ficar aqui.
      Eu acho albergue muito complicado para quem fica mais tempo. te sugiro procurar um quarto na casa de outro estudante. Há muita oferta no Couchsurging, na grupo de habitacao:
      http://www.couchsurfing.org/group.html?gid=8842

      Vc também pode buscar em Craigslist: http://buenosaires.craigslist.org/roo/

      5) Quanto a emprego, você saberia dizer se é difícil para um estrangeiro conseguir emprego aí? Se existe alguma espécie de preconceito?
      Nao creio que haja preconceito. Agora, será fácil ou difícil vai depender da sua área de trabalho.

      6) E sobre os vistos, o que é melhor, entrar como turista por 90 dias, viajar e renovar, ou já solicitar um visto de estudante? Ou o visto de moradia? Neste caso, isso pode ser feito daqui ou podemos fazer aí mesmo? Como foi com você?
      Isso também depende do tempo que vc pretende ficar aqui. Eu passei o primeiro ano entrando e saindo (dá para ir passar o dia em Colonia, no Uruguai) e agora optei pelo DNI definitivo, já que nao pretendo voltar. Nao há necessidade de fazer nada aí, me parece. Entra e na hora ganha o visto de 90 dias. Depois, se quiser, solicita a documentacao por mais tempo aqui.

      ) Por último, você já ouviu falar de um programa de intercâmbio que associa estudo e trabalho? Soube de um com uma agência daqui, onde a pessoa faz 1 mês de curso e fica + 5 meses trabalhando remunerado, mas fiquei meio insegura, pois nunca tinha ouvido sobre isso aí na Argentina, além de ter um custo alto.
      Nao sei nada deste programa

      • Aline disse:

        Brigadão Gisele! Valeu mesmo pela ajuda!

        A minha preocupação quanto a regulamentação dos cursos, é só para fazer em uma escola séria. Quando precisar apresentar o certificado de conclusão de curso, não quero correr o risco de o mesmo não ter validade, por ter sido emitido por uma escola não reconhecida, que não tem autorização para oferecer cursos de idiomas, etc.

        Por exemplo, os cursos de inglês na Inglaterra precisam ser em escolas que tem autorização do The Department for Education and Skills (DfES) e registro no ‘UK Border Agency’, o órgão do governo responsável por assuntos de imigração no Reino Unido. Na Irlanda, tem que ter a autorização do Ministério da Educação e Ciência da Irlanda (TIE, Lower Cambridge ou IELTS) e por aí vai.

        Quanto ao emprego, sou administradora, e estava buscando algum local onde pudesse pesquisar sobre o mercado de trabalho. Vc sabe de algum site?

        Mais uma vez, muito obrigada!

        Bjs,

  • Gi,
    Amei as suas dicas, já estou pesquisando os cursos, pois hoje façao aula 1 x por semana (com uma professora particular 1h30), mas quero ir na semana do Carnaval 2013, para conhecer Argentina e Colônia, e aproveitar as manhãs, para fazer algumas aulas particulares. Muito obrigada pelas dicas, me ajudaram muito. Ah, e com certeza quero a sua cia, para conhecer a cidade, ok ?

  • Ana Luiza disse:

    Olá Gisele,

    Estou pensando em passar o mês de janeiro na Argentina, em um curso de férias, gostaria de saber que localidade poso alugar um apto, gostaria de um lugar central, mas que seja proximo a faculdade e meios de transporte.

    Ainda não escolhi o curso, mas vou olhar no site que vc deixou, em post anteriores

    obrigada, desde já!! =)

  • bruna beatrice disse:

    oi , estou indo para buenos aires , e achei muito interessante ter aulas particulares de espanhol , voce poderia me passar o contato da suaprofessora ?? obrigada

    • Gisele Teixeira disse:

      Oi Bruna, to fazendo um post novo sobre este tema, que devo publicar em breve. Essa professora não mora mais em Buenos Aires, mas escreve para Liliana Etcheverry, que me deu aulas na UBA, que talvez ela possa dar aulas para vc ou indicar outra pessoa. O email dela é ether@arnet.com.ar.
      Fala que foi eu que te passei.
      UM beijo

  • Renata disse:

    Incrível, não tenho uma pergunta sequer! Tudo tão esclarecedor! rsrsrsrsrs Parabéns!

    • Gisele Teixeira disse:

      Renata, os valores deste post estão destualizados! Vou verse esta semana vejo quando estão as aulas e o publico outras vez!

      • Renata disse:

        Ah, não se preocupe… Eu considerei que o post era de 2009! Mas, mesmo assim, dá um norte! Já pude visitar os sites de aluguel de apartamentos que você indicou, por exemplo. Estou querendo fazer um intercâmbio aí, pela comodidade de estar em um país latino e perto de casa com um preço “pagável” (diferente da Europa, por exemplo).

        Vou em setembro conhecer a cidade e estudar as possibilidades: valor do curso + valor da moradia, pra ver se rola.

        Obrigada mesmo, seu blog dá altas dicas… Até te escrevi pra saber por quanto você aluga seu quarto de hópedes, pra eu já ir tendo uma noção. Quem sabe quando eu estiver aí, eu não possa conhecer?

        Enfim, mais uma vez, obrigada !

        Até!

      • Ilídia disse:

        Parabéns pelo blog!
        Você poderia informar o e-mail da professora particular de espanhol ou um outro contato?
        Obrigada!

  • Cintia Tatiana Dominguez disse:

    Gisele, vc pode passar o contato da sua professora e o local aonde ela ministra as aulas?

  • Nunziata paiva disse:

    Oi Gisele!!!
    Você conhece alguma escola de idiomas que tenha cursos para a família? Gostaríamos eu, meu maridos e minha filha de 11 anos de fazer um intensivo de espanhol em Buenos Aires nas férias. Obrigada! Parabéns pelo blog! Adoro e estou sempre acompanhando.

  • Mari Silva disse:

    Olá boa noite!Gsele Gostaria de saber
    Os cursos são para todas idades
    E para crianças eu consigo também?
    Obrigada espero retorno…bjs.

  • Gisele Andrade disse:

    Olá Gisele,
    Eu tenho pensado em dar aulas de português para estrangeiros, então pensei em me cadastrar em algum site de professores particulares, como estes que temos no Brasil, oferecendo meus serviços.
    Porém, fiz várias buscas na internet e não encontrei nenhum como eu gostaria, você tem alguma sugestão? Ou conhece algum site da Argentina onde professores se cadastram oferecendo suas aulas?
    Ah, adorei seu post!
    Abraços e obrigada.

  • Marina disse:

    Oi Gisele, tudo bem?
    Super obrigada pelas infos!

    Estava pesquisando locais para estudar espanhol e encontrei o seu blog. Planejo fazer um curso breve de espanhol em julho mas ainda estou em dúvida em relação a qual cidade estudar (alguma que tenha um clima estudantil). Existem boas opçoes de escola em outras cidades?

    Obrigada

    • Oi Marina, Rosário e Córdoba são cidades com universidades e talvez tenham este clima que vc está procurando. Mas nnunca busquei nada por lá. Coloca no google: cursos de español + Rosario. Igual, Buenos Aires é linda! Um abrazo.

  • Heber disse:

    Oi Gisele, muito útil o seu site, obrigado.
    1ª pergunta: Eu gostaria de passar o mês das minhas ferias do trabalho em algum país estudando espanhol, a ideia é mais conviver com outras pessoas e cultura do que o idioma em si. Já estive em Buenos Aires a passeio, e confesso que achei os portenhos presunçosos. Quero uma cidade com pessoas hospitaleiras, para que eu possa me inserir entre os locais. Dizem que os argentinos do interior do país são amigáveis. Que cidades você recomenda?

    2ª: O que você me diz de Montevidéu, é verdade que uruguaios são amistosos com os brasileiros? Eles não falam tão rápido como os portenhos, sendo melhor para quem está começando a estudar espanhol?

    Mais uma vez agradeço pela presteza.

    • Oi Heber
      1ª resposta: Eu adoro Buenos Aires e os portenhos e acho isso de “achar presunçoso” tem muito a ver com a experiência pessoal de cada um. Sempre fui muito bem tratada aqui. Dá uma segunda chance para os portenhos, vai! Mas se não quer a capital, talvez Córdoba seja um lugar lindo para passar uma temporada, já que é uma cidade universitária, com boa oferta cultural e muita coisa linda de natureza aos arredores, para conhecer nos fins de semana. Não sei de cursos de espanhol por lá, mas certamente deve ter.

      2ª pergunta: Eu adoro Montevidéu e os uruguaios são super bacanas. Isso de falar rápido ou não vai depender da pessoa com quem você fala e não da nacionalidade. Acho uma ótima opção! Se voc~e já conhece a Argentina, talvez possa optar pelos vizinhos agora.

      Um beijo

  • ROBERTA disse:

    Olá Gisele! Muito bom conhecer o seu blog! Obrigada por compartilhar as suas experiências e opiniões sobre o que anda vendo na capital argentina!

    Estamos planejando uma viagem em agosto para Buenos Aires, em família, para estudarmos espanhol, principalmente, e ter a experiência de uma vida local.

    Já peguei as suas dicas sobre cursos e entrarei em contato com todos para verificar os detalhes, mas gostaria também de lhe pedir ajudar com dicas para as crianças. Gostaria que eles participassem de algum esporte local, algum clube que tenha aulas de Volei ou Tenis. Não sei se você tem filhos, mas se tiver, eu ficaria feliz por receber todas as dicas sobre como tornar essa viagem incrível para os meus pequenos, além do estudo do idioma.

    Beijo para você!

    Roberta

  • Courconnect disse:

    Oi Gisele, Tudo bem? Aqui te mandamos um link onde se pode encontrar todos cursos de espanhol na Argentina e com 10% de desconto!

    https://courconnect.com/pt/

    Abraços

  • tatiana brandão disse:

    Olá Gisele
    você pode enviar endereço de cursos de espanhol, aí em buenos aires.
    Estou a fim de estudar 3 meses aí, 30 horas por semana.
    Agradeço se voc}e informar os mais baratos.
    gracias

  • tatiana brandão disse:

    Amiga
    voce pode me mandar o endereço da UBA do centro de buenos aires
    obrigada
    tati

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *